Categorias
Esportes

Brasil derrota EUA e segue 100% na Liga das Nações de vôlei masculino

A seleção masculina de vôlei segue com 100% de aproveitamento na Liga das Nações. Neste sábado (29), os brasileiros superaram os Estados Unidos por 3 sets a 0, com parciais de 25/22, 25/23 e 25/19, pela segunda rodada da competição, disputada em Rimini (Itália).

O ponteiro Yoandy Leal, cubano naturalizado brasileiro, foi o destaque do escrete nacional, com 13 pontos, seguido pelo oposto Alan, que substituiu Wallace no começo do segundo set e anotou 12 pontos. Das três parciais, a segunda foi a mais complicada, com os EUA à frente nos primeiros pontos, mas cedendo a virada ao Brasil após o empate por 13 a 13.

A equipe nacional já volta à quadra neste domingo (30), às 13h (horário de Brasília), contra o Canadá. O duelo conclui a primeira semana do torneio masculino. A próxima sequência de partidas ocorre entre quinta-feira (3) e o próximo sábado (5). O Brasil terá França, Japão e Sérvia pela frente.

A seleção é dirigida em Rimini (Itália) pelo assistente Carlos Schwanke. O técnico Renan Dal Zotto se recupera em casa após 36 dias internado por conta do novo coronavírus (covid-19). Na última sexta-feira (28), antes da estreia contra a Argentina, o treinador realizou uma preleção virtual com os jogadores. Os brasileiros superaram os argentinos por 3 a 0 (31/29, 26/24 e 25/16).

Categorias
Esportes

São Paulo sobe para 3º no Brasileiro Feminino e afunda Minas-DF no Z4

O São Paulo está de volta, temporariamente, à terceira posição da Série A1 (primeira divisão) do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino. Neste sábado (29), o Tricolor derrotou o Minas Brasília por 3 a 0 no Centro de Formação de Atletas do clube, em Cotia (SP), na abertura da 11ª rodada.

As Soberanas foram a 22 pontos, um a frente do Santos, que desceu para o quarto lugar, mas ainda joga pela rodada. As Sereias da Vila enfrentam o Real Brasília nesta segunda-feira (31), às 15h (horário de Brasília), no estádio José Liberatti, em Osasco (SP).

As brasilienses seguem com oito pontos, na 14ª e antepenúltima posição. Se Botafogo (13º) e Cruzeiro (12º), primeiros times fora da zona de rebaixamento, ganharem os respectivos compromissos na rodada, o Minas pode acabar o fim de semana a quatro pontos de sair do Z4, com 12 ainda a serem disputados. As Gloriosas visitam a Ferroviária no domingo (30), às 15h, enquanto as Cabulosas encaram o Internacional ainda neste sábado, às 20h, no Sesc Campestre, em Porto Alegre.

A maior parte dos 45 minutos iniciais foi disputada no campo do Minas. A meia são-paulina Carol teve pelo menos três chances de abrir o placar entre os seis e os 14 minutos, mas ficou no quase. Aos 26, as anfitriãs, enfim, saíram na frente. Duda disparou em direção à área pela direita e, na saída da goleira Karen, rolou na esquerda para a também atacante Gláucia concluir para o gol.

Aos 32, marcada por três defensoras, a camisa 9 retribuiu a gentileza e espetou a bola para Duda invadir a área e finalizar no canto, aumentando a vantagem tricolor. Quatro minutos depois, a pressão na saída de bola das brasilienses deu resultado. A atacante Naná retomou a posse na intermediária e abriu para Carol, na esquerda. A camisa 7 cortou a marcação e mandou para as redes.

O Minas retornou do intervalo e teve duas boas chances para diminuir o prejuízo. Aos seis minutos, após cruzamento rasteiro pela esquerda, a atacante Manu furou na pequena área e a bola sobrou para a meia Pelé finalizar, mas Carla fez grande defesa com os pés. Aos 18, Manu foi lançada na área pela esquerda e finalizou com perigo na saída de Carla, rente à trave esquerda das tricolores.

À medida que a segunda etapa transcorreu, o ritmo do jogo caiu e o São Paulo voltou a ser mais perigoso. Aos 21 minutos, Gláucia cabeceou perto da marca do pênalti e Karen evitou o gol com a ponta dos dedos. Dois minutos depois, a lateral Giovana cruzou pela direita e a bola foi no travessão. A meia Giovaninha aproveitou a sobra, mas parou na goleira do Minas, que ainda salvaria, com ajuda da trave, um chute cruzado de Carol, pela direita, nos acréscimos.

As equipes têm clássicos regionais pela frente na próxima quinta-feira (3), pela 12ª rodada. Às 15h, o Minas enfrenta o Real Brasília no estádio Ciro Machado do Espírito Santo, o Defelê, em Brasília. Mais tarde, às 18h, o São Paulo encara o Corinthians novamente em Cotia.

Categorias
Esportes

Operário-PR surpreende Vasco e vence em São Januário pela Série B

Na estreia de Operário-PR e Vasco na edição 2021 da Série B do Campeonato Brasileiro, melhor para o time paranaense. Neste sábado (29), o Fantasma venceu o Cruzmaltino por 2 a 0 em São Januário, no Rio de Janeiro, pela primeira rodada da competição.

Os visitantes saíram na frente logo aos sete minutos. O meia Felipe Garcia roubou a bola do lateral Zeca pela esquerda e acionou o atacante Ricardo Bueno, que tocou para Leandrinho. O meia recebeu na entrada da área e bateu cruzado para abrir o placar. O segundo quase saiu aos nove, em nova bobeada da defesa vascaína. O atacante Jean Carlo teve a chance frente a frente com Vanderlei, mas o goleiro salvou.

O meia Tomas Bastos, em arremate de fora da área, obrigou Vanderlei a outra boa defesa, no ângulo, aos 21 minutos. Aos 31 e aos 39 minutos, Jean Carlos pecou na pontaria e desperdiçou duas oportunidades para aumentar a vantagem. Aos 42, aproveitando novo erro na saída de bola do Vasco, o Operário, enfim, marcou o segundo, com Ricardo Bueno tocando por cima de Vanderlei, na saída do camisa 1.

O prejuízo vascaíno quase aumentou aos quatro minutos do segundo tempo, em chute do volante Rafael Chorão, da intermediária, que parou na trave. A primeira boa chance dos anfitriões só apareceu aos dez minutos, em batida do meia Gabriel Pec, da entrada da área, espalmada pelo goleiro Simão. O duelo perdeu intensidade, mas o Operário ainda carimbou o poste mais uma vez aos 42 minutos, em arremate do atacante Rodrigo Pimpão.

As equipes voltam a campo na quarta-feira (2), mas por torneios diferentes. O Operário recebe o Guarani no Couto Pereira, em Curitiba, às 19h (horário de Brasília), pela segunda rodada da Série B. O duelo será na capital paranaense devido à troca do gramado do estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa (SP), casa do Fantasma. O Vasco encara o Boavista no estádio Elcyr Resende de Mendonça, em Bacaxá, distrito de Saquarema (RJ), às 21h30, no jogo de ida do confronto pela terceira fase da Copa do Brasil. 

Mais Série B

A temporada 2021 da segunda divisão nacional teve início na sexta-feira (28). No Brinco de Ouro, em Campinas (SP), Guarani e Vitória empataram por 1 a 1, na partida que registrou o primeiro gol da competição: um petardo do meia rubro-negro Soares, de fora da área, aos oito minutos do primeiro tempo. O empate bugrino saiu aos 28 minutos, em chute cruzado do lateral-esquerdo Bidu.

O próximo rival do Guarani será o Operário, na terça. O Vitória, por sua vez, terá o Náutico pela frente no próximo dia 7, às 20h, no Barradão, em Salvador. O Timbu, aliás, também foi a campo na sexta e estreou com vitória: 1 a 0 sobre o CSA, nos Aflitos, em Recife, com gol do meia Jean Carlos, aos 25 minutos da etapa inicial. O Azulão tem novo compromisso no sábado que vem (5), às 16h30, contra o Sampaio Corrêa, no Rei Pelé, em Maceió.

O empate por 1 a 1 entre Vila Nova e Botafogo, no estádio Onésio Brasileiro Alvarenga, em Goiânia, encerrou a rodada de sexta pela Série B. Mesmo com um jogador a menos desde os 40 minutos do primeiro tempo (o volante Deivid foi expulso ao receber o segundo amarelo), os goianos abriram o marcador aos sete minutos da etapa final, com o lateral Willian Formiga. Seis minutos depois, o atacante Rafael Navarro deixou tudo igual para o Glorioso, que pressionou atrás da virada, sem sucesso.

O Botafogo só volta a jogar pela Série B no sábado que vem, às 21h, contra o Coritiba, no Nilton Santos, no Rio de Janeiro, enquanto o Vila Nova visita o Avaí no próximo dia 6, na Ressacada, em Florianópolis, às 20h30. Antes, o Tigre tem compromisso na Copa do Brasil. Nesta terça, às 16h30, os goianos enfrentam o Bahia, no jogo de ida pela terceira fase.

Categorias
Esportes

Floresta-CE e Jacuipense-BA abrem a Série C neste sábado

A Série C do Campeonato Brasileiro começa neste sábado (29). O jogo de abertura da competição será disputado entre Floresta-CE e Jacuipense-BA no estádio Domingão, na cidade de Horizonte-CE, às 15h30. Os oponentes fazem parte do Grupo A da competição nacional.

 

Ainda pelo Grupo A, teremos Botafogo-PB e Ferroviário-CE no Almeidão, na capital paraibana, às 17h. Além disso, o Tombense-MG recebe o Paysandu-PA no estádio Antônio Guimarães de Almeida, no município de Tombos-MG.

A bola também vai rolar pelo Grupo B. Às 16h, o Novorizontino-SP, atual campeão do Interior Paulista, vai encarar o Figueirense-SC no Jorge Isamel de Biasi, na cidade de Novo Horizonte. Em seguida, às 17h, o Criciúma-SC vai ter embate contra o Ituano-SP no estádio Heriberto Hülse, na cidade de Criciúma.

No domingo (30) mais três jogos movimentam a terceira divisão nacional. O Altos-PI vai encarar o Volta Redonda-RJ no estádio Lindolfo Monteiro, em Teresina (PI), às 16h. Na sequência, ás 18h, O Manaus-AM duela com o Santa Cruz-PE na Arena da Amazônia, em Manaus. Ambas as partidas serão realizadas pelo Grupo A.

No mesmo dia temos apenas um confronto pelo Grupo B. No estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto-SP, o Botafogo-SP mede forças com o São José-RS às 20h.

A primeira rodada continua na segunda-feira (31), com o confronto entre Ypiranga-RS e Paraná no estádio Colosso da Lagoa, em Erechim (RS). O jogo iniciará às 20h.

O fechamento da rodada acontece somente em 16 de junho. Neste dia, o Oeste-SP receberá o Mirassol-SP na Arena Barueri, no município de Barueri-SP, às 20h.

Quem disputa a competição?

Os quatro rebaixados da Série B de 2020 (Figueirense, Paraná, Botafogo-SP e Oeste) se juntaram aos quatro melhores colocados da última edição da Série D (Altos, Mirassol, Novorizontino e Floresta). As outras 12 equipes participantes foram aquelas que permaneceram na Série C no ano passado.

Os quatro melhores colocados de cada grupo avançam às quartas de final, já os clubes que conseguirem chegar às semifinais garantem o acesso à Série B no ano que vem. Os dois últimos colocados de cada grupo disputarão a Série D em 2022.

Categorias
Esportes

Liga dos Campeões tem capítulo final com Chelsea e Manchester City

A principal competição de clubes da Europa terá, neste sábado (29), o seu capítulo final, quando Chelsea (Inglatera) e Manchester City (Inglaterra) disputam a decisão da Liga dos Campeões a partir das 16h (horário de Brasília) no estádio do Dragão, em Portugal.

Conquista inédita

O Manchester City chega à final em um momento especial, após a conquista do Campeonato Inglês (a terceira sob o comando do técnico Pep Guardiola). E não dá para falar do momento excepcional vivido pela equipe de Manchester sem considerar a influência do técnico espanhol.

Vencedor da Liga dos Campeões como treinador em duas oportunidades (ambas comandando o Barcelona), Guardiola faz história ao conduzir o Manchester City pela primeira oportunidade a uma decisão da principal competição de clubes do Velho Continente.

Para tentar levar o City à conquista continental o treinador espanhol aposta demais no controle do jogo através da posse de bola. Na sua equipe, que privilegia a coletividade ao invés das individualidades, o destaque é o belga Kevin de Bruyne (que, durante a temporada, já foi escalado em inúmeras posições do meio-campo e do ataque).

Em busca do bicampeonato

Se o City busca levantar o troféu da Liga dos Campeões pela primeira vez, o Chelsea quer o bicampeonato. A equipe de Londres conquistou a competição continental pela primeira vez na temporada 2011/2012, em final contra o Bayern de Munique (Alemanha).

Assim como o City conta com a estrela do técnico espanhol Pep Guardiola, o Chelsea tem em seu comando um dos treinadores mais promissores da atualidade, Thomas Tuchel. O alemão, que iniciou sua carreira em seu país (onde comandou o Mainz 05 e o Borussia Dortmund), dirige o time de Londres após uma passagem vitoriosa no PSG (França), onde conquistou por duas vezes o Campeonato Francês e a Supercopa da França, além de uma Copa da França e uma Copa da Liga Francesa.

Manchester City, Chelsea, campeonato inglês, pep guardiola, Thomas Tuchel
Manchester City, Chelsea, campeonato inglês, pep guardiola, Thomas Tuchel

Thomas Tuchel (esquerda) e Pep Guardiola em ação pelo Campeonato Inglês – Pool via Reuters/Martin Rickett/Direitos Reservados.

Mas o ponto alto da passagem de Tuchel pela equipe de Paris foi a classificação, na última temporada, para a final da Liga dos Campeões, na qual o PSG foi derrotado pelo Bayern de Munique.

Agora no Chelsea, o treinador alemão arma sua equipe de forma a priorizar a solidez defensiva. Já o ataque é baseado nas transições rápidas. E neste esquema o francês Kanté cumpre um papel fundamental, organizando a equipe.

Terceira final inglesa

Chelsea e Manchester City protagonizarão a terceira final inglesa da história da Liga dos Campeões, após a conquista alcançada pelo Manchester United (Inglaterra) diante do time de Londres, em Moscou (Rússia) em 2008, e o triunfo do Liverpool (Inglaterra) sobre o Tottenham (Inglaterra), em 2019 em Madri (Espanha).

Agora, a terceira final inglesa pode ver a coroação de um campeão inédito ou o retorno do time de Londres ao topo da Europa.

Categorias
Esportes

Cuiabá x Juventude abre a Série A do Campeonato Brasileiro 2021

A bola começa a rolar neste sábado (29) pela Série A do Campeonato Brasileiro, a partir das 19h (horário de Brasília), na Arena Pantanal. O Cuiabá, único estreante na elite do futebol nacional este ano, encara a Chapecoense, atual campeã da Série B.  A competição reunirá 20 clubes. A primeira rodada hoje (29) terá ainda o duelo entre Bahia e Santos, em Salvador, às 20h, e o embate entre São Paulo e Fluminense, às 21h, no Morumbi, com transmissão ao vivo pela Rádio Nacional. 

A novidade deste ano no Brasileirão está fora dos gramados. Cada time só terá permissão de trocar de treinador apenas duas vezes ao ano. A nova regra da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) também vale para os técnicos, que só poderão trabalhar, no máximo, em dois clubes durante a temporada. O objetivo da entidade é evitar a tradicional dança das cadeiras de treinadores, que ocorria nas edições anteriores da competição. Essa regra também vale para a Série B do Campeonato Brasileiro.

Em relação aos pontos corridos, nada mudou: ao fim da 38ª rodada, o campeão será aquele que somar mais pontos. Esse sistema, de pontos corridos, costuma receber críticas por não gerar disputas emocionantes, pela ausência de uma fase mata-mata. Mas, nos últimos anos, a apreensão de alguns clubes durou até as últimas rodadas do Brasileirão, fosse na briga pelo título, na disputa pela vaga na Libertadores, ou na tentativa de fugir da zona do rebaixamento. Prova disso foi o bicampeonato do Flamengo na edição do ano passado, que só foi decidida nos últimos minutos da última rodada, após uma disputa ponto a ponto com o Internacional.

Até dezembro, serão 380 partidas, mais de 500 horas de bola em jogo e muita emoção nos gramados do país. 

Categorias
Esportes

Fluminense visita São Paulo na estreia no Campeonato Brasileiro

Motivado pela vitória de 3 a 1 sobre o River Plate (Argentina), que lhe garantiu a vaga nas oitavas de final da Copa Libertadores, o Fluminense enfrenta o São Paulo, neste sábado (29) a partir das 21h (horário de Brasília) no estádio do Morumbi, pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro da Série A.

O Tricolor paulista também chega muito motivado a esta partida, após alcançar seu primeiro título sob o comando do técnico argentino Hernán Crespo, o Campeonato Paulista, após triunfo sobre o Palmeiras no último final de semana.

Mudanças na equipe

A equipe das Laranjeiras estreia na competição nacional em momento no qual o técnico Roger fez grandes mudanças na equipe titular. Após falhar na final do Campeonato Carioca diante do Flamengo, o treinador sacou os laterais Calegari e Danilo Barcelos e os atacantes Luiz Henrique e Kayky para colocar Samuel Xavier, Egídio, Caio Paulista e Gabriel Teixeira. E o resultado foi a histórica classificação na competição continental.

Assim, fica no ar a possibilidade da realização destas e de outras trocas. Uma delas pode ser dar um descanso ao atacante Fred. Aos 37 anos, o artilheiro vive um ótimo momento, mas tem a possibilidade de ser poupado após a realização de uma sequência desgastante de partidas decisivas. Assim, o uruguaio Abel Hernández pode vir a ter uma oportunidade como titular.

Considerando as últimas apresentações do Fluminense, uma possível escalação para a estreia no Brasileiro teria: Marcos Felipe; Samuel Xavier (Calegari), Nino, Luccas Claro e Egídio (Danilo Barcelos); Yago Felipe, Martinelli e Nenê (Cazares); Caio Paulista (Kayky), Gabriel Teixeira ( Luiz Henrique) e Fred (Abel Hernández).

Desfalque de Daniel Alves

Já o São Paulo chega ao primeiro compromisso no Brasileiro com a possibilidade de repetir a escalação que conquistou o título do Campeonato Paulista. Como o técnico Crespo poupou os titulares no jogo contra o Sporting Cristal (Peru), é bem provável que o time paulista entre em campo com a seguinte formação: Tiago Volpi; Arboleda, Miranda e Léo; Igor Vinícius, Luan, Liziero, Igor Gomes e Reinaldo; Gabriel Sara e Pablo.

Nesta formação duas ausências são sentidas, a do brasileiro Daniel Alves e a do argentino Benítez, que ainda não se recuperaram de lesões que sofreram no primeiro jogo da decisão do Campeonato Paulista.

Transmissão da Rádio Nacional

A Rádio Nacional transmite São Paulo e Fluminense ao vivo com a narração de André Marques, comentários de Waldir Luiz, reportagem de Mauricio Costa e plantão de Astrid Nick. Você acompanha o Show de Bola Nacional, a partir das 21h, aqui:

Categorias
Esportes

Liga das Nações: Brasil estreia com vitória no torneio masculino

Nesta sexta-feira (28), a seleção brasileira masculina de vôlei estreou com vitória na Liga das Nações 2021. Dirigido pelo técnico interino, Carlos Schwanke, o time bateu a Argentina por 3 sets a 0, com parciais de 31/29, 26/24 e 25/16. A competição serve como preparação final para os Jogos de Tóquio e é realizada em um sistema de bolha sanitária na cidade de Rimini, na Itália.

O maior pontuador foi o ponteiro Lucarelli com 14 acertos. “A estreia sempre tem uma certa tensão. Nos dois primeiros sets, a gente até jogou bem, mas desperdiçamos algumas oportunidades, algo que é natural em razão do entrosamento que ainda precisa ser ajustado. No terceiro set, conseguimos produzir melhor e saímos com a vitória. Vencer no primeiro jogo foi muito importante para tirar aquele peso, e agora vamos descansar e nos preparar para enfrentar o time dos Estados Unidos”, disse Lucarelli aos assessores da Confederação Brasileira de Vôlei (CBV).

O técnico Carlos Schwanke, que dirige o time enquanto Renan se recupera de uma internação por covid-19, avaliou o desempenho da seleção brasileira. “Foi um jogo difícil pelo peso da estreia e por ser um clássico sul-americano. Soubemos sair dos momentos difíceis, quando eles estavam com o set point, e agora é pensar em crescer sempre. Estamos aqui para buscar a evolução necessária do time como um todo. A doação e a ajuda de todos foi algo essencial nesta primeira vitória”, disse Schwanke.

O Brasil ainda terá pela frente os Estados Unidos, às 16h deste sábado (29), e o Canadá, às 13h de domingo (30).

Categorias
Esportes

TV Brasil transmite Série D do Brasileirão a partir do próximo domingo

TV Brasil transmite no próximo domingo (30), às 15h (horário de Brasília), partida entre o Brasiliense-DF e Real Ariquemes-RO, no Estádio Boca do Jacaré, em Taguatinga (DF), pela Série D. Quem se classificar no jogo de volta da fase preliminar da Série D ingressa na chave A5 da fase de grupos da competição nacional, que já tem Gama, Aparecidense, Goianésia, Jaraguá, Nova Mutum, Porto Velho e União Rondonópolis.

A transmissão da TV Brasil terá narração de André Marques e comentários de Rodrigo Campos e Sergio du Bocage.

Campeão candango invicto, o time da casa tem a vantagem por ter vencido o jogo de ida por 2 a 0. Embalado pelo título estadual e pela conquista da Copa Verde, o time do técnico Vilson Tadei quer superar o desempenho de 2020, quando conseguiu a melhor campanha da primeira fase, só que caiu para o Mirassol-SP nas oitavas de final. Para concretizar o sonho de chegar na Série C, o time investiu e trouxe o meia Hiwury e o lateral-esquerdo Weverton Gorduxo. A principal arma da equipe é o artilheiro do Estadual com 11 gols marcados, Zé Love.

Finalista do Campeonato Rondoniense ao lado da União Cacoalense, o Real Ariquemes terá que vencer por três gols de diferença para seguir na disputa. Se vencer por 2 a 0, leva a decisão aos pênaltis. No torneio local, o Furacão do Vale do Jamari tem sete vitórias, tendo marcado 12 gols marcados, e apenas uma derrota. A principal arma da equipe do norte do país para tentar reverter a situação é o atacante Raí, que tem três no ano. Em 2021, o time de Rondônia volta a disputar a Série D depois de ter ficado sem divisão na temporada passada. E tem como principal objetivo superar a campanha de 2019, a melhor da história do clube, quando foi eliminado na segunda fase.

Próxima fase

A fase seguinte, a de grupos, terá 64 clubes (60 pré-classificados e quatro da etapa preliminar) divididos em oito chaves regionalizadas, com oito integrantes cada. Os quatro primeiros colocados avançam à segunda fase. A partir daí, o torneio será disputado no formato mata-mata, com jogos de ida e volta. Os semifinalistas conquistam o acesso à Série C do ano que vem. Em 2020, subiram Altos-PI, Floresta-CE, Novorizontino-SP e Mirassol-SP – que ficou com o título. Por outro lado, São Bento-SP, Boa Esporte-MG, Treze-PB e Imperatriz-MA desceram à Série D deste ano.

Categorias
Esportes

Futebol: Brasil de Pelotas e Londrina abrem Série B com empate no Sul

Nesta sexta-feira (28), Brasil de Pelotas e Londrina fizeram a primeira partida da Série B do Campeonato Brasileiro de futebol. O jogo foi no Estádio Bento Freitas, em Pelotas, e terminou 0x0. Depois de ser eliminado ainda na primeira fase do campeonato estadual gaúcho, o Brasil não conseguiu criar grandes oportunidades para assustar o adversário. 

A melhor chance da etapa inicial foi aos 25 minutos. Paulo Victor cobrou uma falta direto para o gol e a bola desviou na haste de sustentação da rede atrás do gol. 

O Londrina, que voltou à segunda divisão depois do rebaixamento em 2019, chegou em um bom momento para a estreia na competição nacional. No torneio estadual, a equipe se classificou às semifinais com uma arrancada na reta final da primeira fase. Mas, mesmo assim, hoje não conseguiu criar praticamente nada nos primeiros 45 minutos.

Na etapa final, os paranaenses até que tentaram algo. Aos 16, em bate e rebate dentro da área, o time paranaense desperdiçou três oportunidades. Depois, aos 25, Ícaro, zagueiro do Brasil, mandou uma bomba de fora da área e assustou o goleiro César, do Londrina. Aos 38, o Brasil de Pelotas teve a melhor chance de abrir o placar. 

O lateral Kevin cruzou, o atacante Ramon bateu, só que o goleiro César salvou. Na volta, o meia Gabriel Terra chutou e o zagueiro Augusto salvou o Londrina tirando a bola em cima da linha. 

Aos 41, outra chance dos gaúchos. O atacante Cristian bateu colocado e forçou o goleiro César a fazer uma grande defesa. Apesar da tentativa de pressionar na reta final do jogo, o Brasil de Pelotas não conseguiu balançar as redes. Por isso, o jogo acabou sem gols.

Na próxima rodada, o Londrina recebe o Brusque, no Estádio do Café, no sábado (5). O Brasil vai até o Pará enfrentar o Remo no mesmo dia.