Categorias
Esportes

Brasil finaliza rali Dakar com vitória na última das 12 etapas

A edição 2021 do rali Dakar, considerado o maior do mundo no gênero, chegou ao fim com vitória brasileira. Nesta sexta-feira (15), o piloto Reinaldo Varela e o navegador Maykel Justo ganharam a última das 12 etapas da prova entre os UTVs (Utility Task Vehicles, veículos utilitários multitarefa, na tradução do inglês), concluindo os 447 quilômetros finais em duas horas, 44 minutos e 26 segundos.

“Foi uma sensação maravilhosa vencer hoje [sexta], bem no final, depois de tanta luta e esforço neste Dakar, que foi um desafio muito difícil de superar. Se tivéssemos apenas chegado ao final, eu já estaria satisfeito”, disse Reinaldo à imprensa.

Com o resultado, eles encerraram o rali disputado na Arábia Saudita na quinta colocação geral entre as 29 duplas da categoria, que teve como vice-campeão outro brasileiro: Gustavo Gugelmin, navegador do piloto norte-americano Austin Jones. O título das UTVs ficou com os chilenos Francisco Lopez Contardo e Juan Pablo Vinagre, com o tempo de 53 horas, 41 minutos e dois segundos. Foram 17 minutos e 23 segundos de vantagem para Jones e Gugelmin, que terminaram a última etapa na sexta posição.

O Brasil também foi representado na categoria Carros. Na etapa desta sexta-feira, Guiga Spinelli e Youssef Haddad ficaram na 26ª posição, enquanto Marcelo Gastaldi e Lourival Roldan chegaram em 33º. Na classificação final, a parceria Spinelli/Haddad foi a 17ª e a dupla Gastaldi/Roldan apareceu em 29º. A categoria foi vencida pelos franceses Stéphane Peterhansel e Edouard Boulanger.

Tragédia

Ainda nesta sexta, a organização do Dakar informou a morte do francês Pierre Cherpin, que sofreu um acidente no último domingo (10), na sétima etapa da prova. O piloto da categoria Motos foi encontrado inconsciente e levado para um hospital, na cidade de Sakaka. Submetido a uma cirurgia e colocado em coma induzido, Cherpin foi transferido para o município de Jeddah, de onde seria conduzido para Lille, na França, mas não resistiu aos ferimentos, falecendo na quinta-feira (14), aos 52 anos.

A edição passada do rali, também realizado na Arábia Saudita, teve duas mortes: a do holandês Edwin Straver e do português Paulo Gonçalves. O falecimento do francês – que competia na prova pela quarta vez – foi o único registrado na competição deste ano. “Toda a caravana do Dakar gostaria de estender as sinceras condolências à família, parentes e amigos”, disse a nota divulgada pelos organizadores.

Balanço

Iniciado no último dia 3,  o rali Dakar reuniu 286 veículos. A previsão inicial era de 321 unidades participantes, mas 35 delas (11%) não foram aprovadas na inspeção técnica realizada em Jeddah. O grid teve 61 UTVs e protótipos, 64 carros, 101 motos, 16 quadriciclos e 44 caminhões. O percurso superou 7,6 mil quilômetros, sendo 4,7 mil quilômetros de trechos em alta velocidade e outros 2,9 mil quilômetros de deslocamento entre pontos diários de largada e chegada.

Devido à pandemia do novo coronavírus (covid-19), foi desenvolvido um protocolo sanitário no qual os participantes teriam que fazer dois exames e uma quarentena antes do rali. O espanhol Dani Oliveira, navegador do compatriota Nani Roma na categoria Carros, ficou fora por testar positivo para o vírus em 9 de dezembro e após 15 dias, em nova avaliação, ainda não ter desenvolvido os anticorpos. Segundo a organização, foram realizados mais de 2,4 mil exames do tipo PCR para viabilizar o evento.

UTV da dupla Reinaldo Varela e o navegador Maykel Justo que venceram última das 12 etapas do rali Dakar 2021UTV da dupla Reinaldo Varela e o navegador Maykel Justo que venceram última das 12 etapas do rali Dakar 2021

Varela e Justo concluíram em 1º lugar a última das 12 etapas do rali Dakar deste ano. Foram 447 quilômetros,  em duas horas, 44 minutos e 26 segundos. – Duda Bairros/Fotop/Direitos Reservados

A edição deste ano teve momentos marcantes. Na abertura, a espanhola Cristina Gutierrez, na categoria Protótipos, foi a primeira mulher a vencer uma etapa do Dakar após 16 anos. No dia seguinte, pela mesma categoria, o norte-americano Seth Quintero, de 18 anos, tornou-se o mais jovem ganhador de uma etapa da prova. No 11º dia, um acontecimento inusitado: após uma discussão, o navegador espanhol Xavier Blanco abandonou – no meio do deserto – o UTV pilotado pelo compatriota Ricardo Ramilo.

Futuro

Durante a prova, a organização do Dakar anunciou que, a partir de 2026, as principais equipes deverão utilizar veículos com motor a hidrogênio. A expectativa do rali é que 100% do grid conte com a tecnologia, que é menos prejudicial ao meio ambiente, a partir de 2030.

Categorias
Esportes

Pandemia deixa Auckland City fora do Mundial de Clubes da Fifa

A Federação Internacional de Futebol (Fifa) anunciou nesta sexta-feira (15) que o Auckland City (Nova Zelândia) não disputará a edição 2020 do Mundial de Clubes, que será realizada entre os dias 1º e 11 de fevereiro em Doha, no Catar. Em nota, a entidade argumenta que, em respeito às medidas sanitárias de prevenção ao novo coronavírus (covid-19) exigidas pelo governo neozelandês, “não foi possível chegar a uma solução” que viabilizasse a participação do clube da Oceania.

“Apesar das conversas regulares com o clube, com a federação de futebol da Nova Zelândia e a OFC [sigla em inglês para Confederação de Futebol da Oceania], as determinações das autoridades do país em relação a isolamento e quarentena vão além das atribuições da Fifa”, afirma o comunicado. “A Fifa, juntamente com as autoridades do Catar, implementará um protocolo médico e de segurança que assegure a saúde e a proteção dos envolvidos na competição”, completa a nota.

A Nova Zelândia foi apontada pela consultoria inglesa Brand Finance, especializada em marcas, como a nação que melhor tem enfrentado a pandemia da covid-19. O país com cerca de cinco milhões de habitantes registrou 2.246 casos e 25 mortes pelo vírus desde o início da crise sanitária. O último óbito provocado pela doença foi em 14 de setembro do ano passado.

Recordista de participações no Mundial desde que o torneio passou a ser organizado pela Fifa, em 2000 e a partir de 2005, o Auckland City disputaria a competição pela décima vez. A Liga dos Campeões da Oceania de 2020 não foi concluída, devido à pandemia, então a OFC selecionou como representante o dono da melhor campanha da primeira fase do torneio continental. O time da Nova Zelândia acabou levando a vaga por ter melhor saldo de gols que o Magenta (Nova Caledônia), com quem havia empatado em pontos.

Semifinalista do Mundial em 2014, o Auckland estrearia na primeira fase contra o Al-Duhail, campeão nacional do Catar. Com a desistência do rival da Oceania, o representante do país-sede – que tem o atacante Dudu (ex-Palmeiras) como principal jogador – entra direto nas quartas de final. O sorteio dos confrontos será na próxima terça-feira (19).

Além do Al-Duhail, mais quatro times estão garantidos na competição: Al-Ahly (Egito, campeão africano), Ulsan Hyundai (Coreia do Sul, campeão asiático), Tigres (México, campeão das Américas Central e do Norte) e Bayern de Munique (Alemanha, campeão europeu). O representante sul-americano será conhecido no próximo dia 30, na decisão 100% brasileira da Libertadores, entre Santos e Palmeiras, que jogarão no Maracanã, no Rio de Janeiro, às 17h (horário de Brasília).

Categorias
Esportes

Final da Libertadores faz CBF mudar jogos de Palmeiras e Santos

A CBF (Confederação Brasileira de Futebol) anunciou na noite desta quinta-feira (14) que a classificação de Palmeiras e Santos para a final da Copa Libertadores da América levou à alteração da 33ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Como a grande decisão está programada para acontecer no dia 30 de janeiro, no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, a diretoria de competições da CBF decidiu mudar os jogos do Peixe e do Verdão pelo Brasileiro programados para o dia 31 de janeiro.

Agora, o Palmeiras mede forças com o Botafogo no dia 2 de fevereiro, às 16h (horário de Brasília), no Allianz Parque, em São Paulo. Já o Santos faz o clássico com o Corinthians em 17 de fevereiro, no estádio da Vila Belmiro, em Santos.

Veja a tabela da Copa Libertadores.

Categorias
Esportes

Cuiabá goleia Guarani por 4 a 0 na Série B

O Cuiabá goleou o Guarani por 4 a 0, nesta quinta-feira (14) na Arena Pantanal, pela 35ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Com o triunfo, o Dourado chegou aos 58 pontos, na 3ª posição, e ficou muito perto do acesso à Série A.

Já o Guarani viu ficar mais distante a chance de conseguir uma vaga na primeira divisão. O time de Campinas foi muito prejudicado por um surto do novo coronavírus (covid-19) que atingiu 17 jogadores, fazendo com que a equipe ficasse apenas com 12 atletas à disposição para a partida.

Na tarde desta quinta, o Bugre ainda solicitou o adiamento da partida junto à CBF (Confederação Brasileira de Futebol), mas o pedido não foi aceito. Assim, enviou, de última hora, um jogador para Cuiabá para ter ao menos 2 jogadores no banco de reservas.

O jogo

Com a bola rolando, o Guarani não demorou a ter de enfrentar outro desafio, o menor número de jogadores, após o lateral Cristovam ser expulso aos 9 minutos por falta em Felipe Marques.

Mesmo com desvantagem numérica, o Guarani continuou vivo na partida, criando chances. Porém, quem abriu o placar foi o Cuiabá, aos 30 minutos com o atacante Marcinho, que aproveitou bola que sobrou na área.

Quatro minutos depois o Dourado ampliou com Elton, que marcou após receber passe de peito de Marcinho.

O 3 a 0 veio apenas na etapa final, logo aos 8 minutos, com chute colocado de Rafael Gava.

Porém, o Cuiabá queria mais e chegou aos 4 a 0 aos 26 minutos com o atacante Jenison, que havia entrado em campo quatro minutos antes.

Na próxima terça-feira (19), o Cuiabá visita o Paraná no Durival Britto. Um dia depois, o Guarani recebe o Vitória no Brinco de Ouro.

Veja a classificação da Série B do Brasileiro.

Categorias
Esportes

Copa do Brasil: CBF altera fórmula e edição 2021 terá uma fase a menos

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou nesta quinta-feira (14) o Regulamento da Copa do Brasil de 2021. Na edição deste ano, o mata-mata mais famoso do país teve uma mudança importante no formato de disputa, e terá uma fase a menos.

Com isso, o grupo de clubes da Libertadores e campeões da Série B, Copa do Nordeste e Copa Verde, que entrava a partir das oitavas de final, agora ingressará na terceira fase do torneio, juntando-se a outras 20 equipes.

Dessa forma, na fase inicial, serão 80 clubes distribuídos em 40 confrontos. Depois, 40 clubes, em 20 confrontos. Na sequência, os 20 clubes ainda vivos no torneio receberão os 12 times classificados através de outras competições (participantes da Libertadores, campeão da Série B, campeão da Copa do Nordeste e campeão da Copa Verde).

Em razão dessa alteração, o número de equipes participantes da Copa do Brasil aumentou de 91 para 92.

Definição de times que entram direto na 3ª fase

Com sete brasileiros classificados à Libertadores: 7 clubes classificados para Libertadores, 1 clube campeão da Copa do Nordeste 2020, 1 clube campeão da Copa Verde 2020, 1 clube campeão da Série B 2020 e 2 clubes do Campeonato Brasileiro da Série A de 2020, cuja chamada respeitará a ordem de classificação.

Com oito classificados para Libertadores: 8 clubes classificados para Libertadores, 1 clube campeão da Copa do Nordeste 2020, 1 clube campeão da Copa Verde 2020, 1 clube campeão da Série B 2020 e 1 clube do Campeonato Brasileiro da Série A de 2020, cuja chamada respeitará a ordem de classificação.

Com nove classificados para Libertadores: 9 clubes classificados para Libertadores, 1 clube campeão da Copa do Nordeste 2020, 1 clube campeão da Copa Verde 2020 e 1 clube campeão da Série B 2020.

Categorias
Esportes

Rodrigo Moledo rompe ligamento cruzado posterior do joelho direito

Na tarde desta quinta-feira (14), no estádio Beira-Rio, o médico do Internacional Guilherme Caputo concedeu uma entrevista coletiva para confirmar o rompimento do ligamento cruzado posterior do joelho direito do zagueiro Rodrigo Moledo. A previsão do clube é de que o atleta fique de fora de seis a oito meses.

Segundo o médico, a lesão pode ter surgido na vitória de 2 a 0 sobre o Ceará na quarta-feira da última semana (6). Apesar disto, o atleta participou do jogo contra o Goiás no último domingo (10), sendo inclusive um dos destaques da partida. “Ele teve um trauma lá em Fortaleza. Durante a semana, foi medicado. Fez fisioterapia. Estava à disposição para o jogo contra o Goiás. Mas, depois desse jogo, o inchaço no joelho ficou maior. E, depois de alguns exames, foi constatada a ruptura”, explicou Caputo.

A tendência é que o técnico Abel Braga utilize Lucas Ribeiro para formar dupla com Víctor Cuesta nas nove partidas restantes do Brasileirão. O Inter é o vice-líder do Campeonato Brasileiro com 53 pontos, três a menos do que o líder São Paulo. A equipe volta a campo pela 30ª rodada no domingo (17) para enfrentar o Fortaleza no Beira-Rio.

Veja a classificação da Série A do Brasileiro.

Categorias
Esportes

Série B: em jogo de cinco gols, Operário vence CRB e ainda sonha

No Estádio Germano Krüger, na cidade paranaense de Ponta Grossa, a noite foi de confronto direito na briga pelo direito de seguir sonhando por uma das quatro vagas na Série A. Na abertura da 35ª rodada, Operário (6º colocado com 48 pontos e embalado por duas vitórias seguidas) e CRB (com 46 pontos em busca da quarta vitória seguida) só pensavam nos três pontos para seguirem olhando para a parte de cima da tabela com alguma esperança. A sorte acabou sorrindo para o lado dos paranaenses. Vitória do Operário por 3 a 2.

O primeiro gol veio aos 11 minutos. O meia Carlos Jatobá, do CRB, pegou o rebote do goleiro e mandou no canto. Depois de algumas excelentes chances perdidas dos dois lados, o Operário empatou. Aos 46, o lateral-direito Alex Silva soltou uma bomba para empatar após boa defesa do goleiro do CRB.

Na etapa final, o jogo seguiu bem movimentado. O gol da vitória do CRB veio aos oito minutos, quando o volante Wesley cobrou uma falta com maestria no canto direito do gol do Operário.

Mas aí começou a reação da equipe paranaense. O time perdeu boas oportunidades até empatar aos 23. Belíssimo gol do meia Jean Carlo, com um chute colocado de fora da área. E a pressão seguiu forte até a virada. Aos 32, o atacante Ricardo Bueno mostrou oportunismo, girou na área e fechou o placar.

Com o resultado, o Operário chegou a 51 pontos e ficou na 6ª posição. O CSA, que é a 4ª e última equipe que subiria se o torneio acabasse nesta quinta-feira, tem 52. Já o CRB, sem chances de subir e já garantido na próxima Série B, está em 11º com 46.

O próximo jogo do Operário será em Belo Horizonte, contra o Cruzeiro na próxima quarta-feira (20). Um dia antes, o CRB faz a próxima partida contra o Figueirense em casa.

Veja a classificação da Série B do Brasileiro.

Categorias
Esportes

Série B: com 17 casos de covid-19, Guarani pede adiamento de jogo

O Guarani solicitou à CBF o adiamento da partida contra o Cuiabá, programada para as 21h30 (horário de Brasília) desta quinta-feira (14) na Arena Pantanal, e válida pela 35ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

O pedido foi feito após o clube ter 17 casos do novo coronavírus (covid-19) confirmados depois de receber dos resultados dos testes realizados na manhã de quarta (13), antes de a delegação embarcar em São Paulo.

Na manhã desta quinta, o departamento médico do clube já havia recebido o diagnóstico positivo dos atletas Bidú e Renanzinho, que estavam sintomáticos e foram afastados do grupo. Os dois já retornaram à Campinas. Mas estava aguardando o resultado dos testes de Matheus Souza (já no departamento médico por conta de uma inflamação dentária) e Giovanny. Às 12h45, eles tiveram os resultados positivos confirmados.

Os outros atletas com resultados positivos são Deivid, Mateus Ludke, Caio, Rafael Pin, Bruno Bianconi e Tití. Todos estão com a delegação na cidade de Cuiabá, mas isolados e cumprindo os protocolos sanitários. A eles somam-se os atletas Bruno Silva, Gabriel Mesquita, Jefferson Paulino, Lucas Crispim, Victor Ramon, Waguininho e Walber, totalizando 17 jogadores com covid-19.

Além destes casos, o Guarani tem no departamento médico o atleta Júnior Todinho. O meia Arthur Rezende está suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Dessa forma, são 21 atletas sem condição de jogo.

Ao todo, em Cuiabá, são apenas 12 atletas em condição de entrar em campo. A CBF ainda analisa o pedido, mas, caso não o atenda, o Bugre terá que entrar em campo com apenas 12 jogadores, sendo 11 titulares e 1 compondo o banco de reservas.

Destes jogadores, Lucas Cardoso, Romércio, Erick Daltro, Marcelo, Pablo e Bruno Sávio se incorporaram ao grupo após recuperação de covid-19.

Antes da partida contra o Cuiabá, o Guarani está na 7ª posição, a quatro pontos da zona de classificação para a elite do futebol brasileiro.

Categorias
Esportes

Handebol: covid-19 causa terceira baixa na seleção antes do Mundial

A Confederação Brasileira de Handebol (CBHb) informou, através de nota oficial, que o ponteiro esquerdo Felipe Borges testou positivo para covid-19, após a realização de testes PCR, na chegada da delegação verde e amarela ao Egito para participar no 27º Campeonato Mundial da modalidade. O atleta está assintomático e cumprindo todos os protocolos estabelecidos pela organização do evento. O médico da confederação, Alexandre Paiva, acompanha diariamente o estado do jogador.

Antes desse caso, o Brasil já tinha perdido o goleiro Leonardo Terçariol e o lateral esquerdo Thiagus Petrus. Além dos jogadores, cinco membros da comissão técnica, entre eles, o técnico Marcus Tatá, também testaram positivo nos últimos dias. A estreia da Seleção Brasileira no Mundial será nesta sexta-feira (15), às 14h, contra a Espanha.

O Mundial, que tem a participação de atletas de 32 países, está seguindo o sistema de bolha sanitária para evitar evitar ao máximo a propagação da covid-19, como está ocorrendo em diversos eventos esportivos ao redor do mundo, como a NBA e o Aberto da Austrália de tênis. A organização definiu determinados hotéis do Egito como sedes exclusivas das equipes participantes. Todos os participantes do torneio, para viajarem ao país africano, devem apresentar um teste negativo do tipo PCR até 72 horas antes do embarque. Na chegada, as delegações passam por medição de temperatura e um novo teste PCR. Dentro da bolha sanitária, todas as pessoas passam por novos testes PCR a cada três dias.

Categorias
Esportes

Jogos de Tóquio: seleção de vôlei sentado inicia temporada em Sergipe

As seleções brasileiras de vôlei sentado, já classificadas para os Jogos Paralímpicos de Tóquio, iniciarão a temporada de treinamentos em Sergipe. Para atingir o melhor nível técnico, tático, físico e mental, a Confederação Brasileira de Voleibol para Deficientes (CBVD) montou um cronograma de atividades para o time masculino, entre 17 e 23 de janeiro, e para a feminina, entre 24 e 30. As duas equipes ficaram com o bronze na Rio 2016.

A Confederação Brasileira de Voleibol para Deficientes (CBVD) formalizou diversas parcerias com as autoridades locais de Aracaju e de Itabaiana para conseguir viabilizar a retomada das atividades antes mesmo da reabertura do CT Paralímpico em São Paulo. O Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) anunciou, na última quarta-feira (13), o retorno dos treinos na capital paulista para os primeiros dias de fevereiro. Inclusive, o vôlei sentado é uma das modalidades que farão parte do reinício das atividades no local.

Para facilitar a logística, e seguir rigorosamente todos os protocolos sanitários impostos pelos órgãos fiscalizadores nordestinos por causa da pandemia do novo coronavírus (covid-19), durante as atividades, as equipes masculina e feminina serão divididas e todos os atletas seguirão do aeroporto direto para o laboratório para fazer o exame de sorologia, além do uso obrigatório de máscara, álcool em gel e manutenção de distanciamento social.

Segundo o presidente da CBVD, Ângelo Alves Neto, esta será a primeira das sete fases de treinamentos previstas para a temporada. “Conversamos com a superintendente de esporte, Mariana Dantas, e apresentamos a nossa intenção de trazer as seleções para Sergipe. De ato ela topou e, nos próximos dias, os atletas e toda comissão técnica estarão em Aracaju. Também fizemos uma visita técnica ao Centro de Iniciação ao Esporte em Itabaiana junto com o secretário Roosevelt Santana. Tenho certeza de que todos os esforços resultarão na medalha de ouro das duas seleções nos Jogos Paralímpicos Tóquio 2021”, concluiu o dirigente.

Para esse período inicial de preparação, o técnico José Antonio Guedes, da seleção feminina, convocou 13 atletas: Gabrielle Aparecida Marchi, Edwarda Dias de Oliveira, Adria Jesus da Silva, Pamela Pereira, Nathalie Filomena Silva, Jani Batista, Nurya de Almeida, Laiana Batista, Bruna Lima, Luiza Guisso, Maria Luciana dos Santos, Danielle Barcelos e Ravelly Santana.

Já o grupo masculino, comandado pelo técnico Célio Mediato, terá 15 atletas: Wescley de Oliveira, Diogo Rebouças, Daniel Jorge, Anderson dos Santos, Samuel Henrique Arantes, Leandro Henrique da Silva, Fabrício Pinto, Renato de Oliveira, Wellington da Anunciação, Daniel Yoshiazawa, Leandro da Silva, Luís Fabiano de Oliveira, Alex Witkovski, Maurício Barros e Kleber Melo.

* Atualizado às 18h07 com jogadores convocados para período de preparação.